Sistemas Contra-Quedas

Os Sistemas Contra-quedas são constituídos por equipamentos dos mais variados fornecedores/ parceiros prezando sempre pela melhor qualidade.

A denominação Sistemas Contra-quedas é a interligação de equipamentos individuais ou coletivos para trabalhos em altura existentes no mercado ou personalizados, com o intuito de interagir entre o ambiente de trabalho em altura e o indivíduo exposto ao risco de queda. No caso de um suposto incidente, o funcionário não se indispõe ao acidente.

Para cada situação exige um estudo criterioso para mensurar as seguintes etapas:

1. Risco do trabalho em altura – a partir de uma avaliação realizada por Análise Preliminar de Risco (APR) será medido o grau de exposição iminente do Risco, nesta fase será mapeado junto ao profissional da empresa solicitante desde o tipo de acesso até a finalização do trabalho em altura para posterior Permissão de Trabalho (PT). Desta forma, garante-se a integridade do colaborador;

2. Urgência – o número de intervenções no local deverá ser levado em consideração na finalidade de oferecer o sistema / equipamento dentro das condições de custo de oportunidade de longo prazo (quantidade de acessos durante determinado período x valor de investimento);

3. Desenvolvimento e elaboração do produto final.